A primeira impressão de Inumanos é a última que morre?

Há alguns anos era bem claro que a Marvel Studios faria um filme de Inumanos, hoje o mundo vive uma realidade bem diferente. Nesse dia 1º de setembro serão exibidos os dois primeiros episódios do seriado em IMAX, algo até bem inovador e interessante para a mídia da TV, mas será que foi a escolha mais acertada? Além disso, será que essa adaptação será mais um erro da Marvel?

Desde que foi liberado o primeiro o primeiro trailer oficial (no dia 29/06), muitas frustrações e ideias sobre o que viria a ser essa obra começaram a surgir. A primeira frase muito falada foi “Que produção fraca!” e nisso é uma extrema verdade. A história dos Inumanos é relacionada a Terra e fora dela, com uma construção apenas para a Família Real. O seu protagonista, Raio Negro, é um herói extremamente interessante e enigmático, já que não pode falar devido a um poder sobre-humano em um simples sussurro. Outra personagem principal é Medusa, na qual seus cabelos possuem vida própria e são utilizados nas batalhas. Com uma ideia dessas e personagens extremamente desconhecidos para leigos, era importante possuir uma produção de alto nível e com uma qualidade exuberante, ainda mais se o plano era ser exibida em IMAX. Mas isso parece que não foi pensado assim. Os efeitos especiais de péssima qualidade já deram o tom do que viria pela frente nos próximos minutos de apenas um pequeno trecho de marketing da série.

Na sequência é possível ver um variedade gigante de péssimos diálogos, quase que tirados de Sharknado – não, talvez esse ainda faria melhor. O fraco nível estava em tudo e tão evidente, que fez com que os produtores tivessem que dizer em entrevistas sobre o material apresentado não estar completo e pedindo para os fãs julgarem apenas após verem. Tudo bem, estão certos nesse quesito, mas poderiam ter um pouco maior de capricho com quem aguarda algo sobre esses personagens a MUITO tempo.

Se algo ao menos ficou bom em tudo isso é o cachorro – mais maravilhoso de todos – Dentinho, um personagem quase mascote do grupo, mas que possui um poder de teleporte incrível, podendo levar outras pessoas consigo, além de detectar cheiros em lugares extremamente distantes. O seu visual ficou muito interessante e bem similar dos quadrinhos, mostrando uma personalidade que poderá ser um dos (poucos?) pontos positivos aqui.

Dessa forma resta apenas aguardar pelo o que vêm por aí, mas não parece que será algo muito bom. A estréia na telona mostrará um pouco da reação do público perante a esses novos heróis adicionados ao Universo Marvel, mas, se for algo parecido com tudo mostrado até agora, será um arrependimento horrível do estúdio ter pensado em apostar as suas fichas aqui.


Se ainda não viu o trailer, confira aqui:

Comentários

Cláudio Gabriel

É apaixonado por cinema, séries, música, quadrinhos e qualquer elemento da cultura pop que o faça feliz. Seu maior sonho é ver o Senta Aí sendo reconhecido… e acha que isso está mais próximo do que se espera.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *