Lollapalooza Brasil 2019: Dia 2 #LolladeCasa

*Texto escrito por Cláudio Gabriel e Pedro Barreto.

O segundo dia do Lollapalooza contou com militância e problemas por causa do tempo. Duda Beat e Liniker fizeram questão de mandar recados bem claros para o presidente Jair Bolsonaro, entre outras situações do país. A política parece ter se tornado bastante recorrente e crítica dentro das performances nesse ano.

No quesito da organização, uma complicação causada por um temporal na cidade de São Paulo quase fez o dia do evento ser cancelado. Os shows da LANY e do Rashid precisaram ser interrompidos pelo tempo, que tornava perigoso ficar no palco e perto do mesmo, devido à possibilidade de raios caírem diretamente na parte das grades, que conta com estrutura metálica.

– Snow Patrol

Após intensas emoções da interrupção que a chuva causou nos shows, Snow Patrol entra no palco e é recebido com alegria, tanto pela volta do festival quanto pela saudade da banda – eles estavam numa pausa, por problemas pessoais e voltaram para os palcos recentemente. O vocalista, com certeza, sentiu falta, pois ele era só sorrisos para a plateia brasileira. Acredito que tenha sido um dia muito especial para Gary pois mesmo com os problemas, ele segurou o show muito bem e extramente feliz. Foi muito fofo de assistir! O tom melancólico das músicas foi acompanhado com emoção pelo público, que cantou com forca a famosa “Chasing Cars”.

A setlist foi curta (contou apenas com 30 minutos), mas foi o suficiente para todos curtirem e se emocionarem.

– Jorja Smith

O show de Jorja Smith é marcado por um vocal poderoso, um público muito animado e muito amor. Quando a banda e a cantora entraram com a blusa do Brasil, todos personalizados, a recepção não poderia ser melhor. Conquistaram o público logo de cara e Jorja foi percebendo isso, já que ela começou um pouco tímida, mas pro final do show já dominava o palco.

A abertura com “Lost & Found” deu o tom do concerto, que seguiu da mesma forma, com o público a acompanhando. Os covers feito, principalmente o de “TLC”, foram um grande destaque, mostrando a forca de seu vocal além de músicas do seu próprio repertório.

– Post Malone

Talvez um dos shows mais esperados desse Festival, Post Malone fez um concerto bastante chamativo e totalmente voltado aos presentes para vê-lo. Não a toa, sucessos não ficaram de fora aqui, como “Better Now”, “Wow.”, “Sunflower” e “rockstar”, trazendo uma cantoria absurda por parte do público, sempre recebido com constantes risos e felicidade d rapper – em sua primeira passagem pelo Brasil. Apesar de alguns momentos em uma certa queda de força, a interação parecia ter sido o carro chefe trazido por Malone, na qual se sustentou bastante.

Um dos grandes instantes da apresentação por a participação do MC Kevin o Chris, cantando “Vamos pra Gaiola” e “Ela é do Tipo”, fato que gerou uma empolgação e energia sem tamanho por parte da audiência. Os coros e gritos animados quase levaram embora as músicas de Post para baixo do braço e o tiraram de lá. Talvez tenha sido a demonstração mais clara de como o funk está cada vez mais com seu espaço.

– Kings of Leon

A grande atração da noite de Lollapalooza veio com uma expectativa gigantesca. Sem fazer shows constantes a algum tempo, o Kings of Leon chegou com força dentro de algumas canções, mas realizando um concerto – em suma maioria – voltado aos grandes hits e também a uma produção musical bem forte. Dessa maneira, “Crawl”, “Revelry”, “The Bucket”, “Sex on Fire”, “Use Somebody” e “Waste a Moment” foram as mais celebradas e mais cantadas em coro por todos.

Apesar de saber conciliar bem esse seu lado mais chamativo e saber até bem trazer o público, no resto o grupo realizou algo bem mais focado no burocrático do que propriamente em uma tentativa de algo apoteótico. Obviamente, dentro dessa intenção, pode ter até decepcionado alguns fãs, na qual esperavam mais por parte dos integrantes e também devido a relevância dado a banda como headliner.

Não dá para dizer realmente que foi uma decepção, porém não foi todo o esperado.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *