Monster Hunter e as possibilidades de adaptação dos games para o cinema

Já houveram diversas adaptações de games para o mundo dos cinemas. Uma das mais citadas pelo lado negativo é Super Marios Bros., de 1993. Já pelo lado positivo, toda a série de seis filmes de Resident Evil costuma ser uma das mais abordadas, apesar de muitos não terem grande apreço. Entretanto, é impossível não falar sobre os filmes e sua relevância no aspecto de bilheteria, já que conquistaram um público único dentro dos cinemas. Agora, Milla Jovovich e o diretor Paul W.S. Anderson (que são casados no mundo real) continuam desventuras nas adaptações com Monster Hunter, que teve painel de destaque na CCXP Worlds 2020.

Em uma conversa de cerca de meia hora com, além dos dois, os atores Diego Boneta e Nanda Costa, foi possível sentir um pouco do clima que a obra pretende propor. Nanda, aliás, que começou a conversa, falando sobre sua primeira experiência fazendo cinema fora do país. Segundo ela, o convite foi feito através da Sony Pictures e também de uma outra produtora. A atriz falou que esperava o senso comum de produções hollydianas: muita tela verde e pouca interação. O que se viu foi o contrário, com muitas gravações externas e efeitos verdadeiros – algo que Paul costuma realizar.

Um aspecto que também dominou a conversa foi a adaptação de um material do mundo dos games. Paul W.S. Anderson contou que tratou de perto toda a conversa com os desenvolvedores originais de Monster Hunter. Inclusive, foi exibido um vídeo mostrando um pouco dessa interação, comentando alguns aspectos específicos dos monstros que seriam possíveis de adaptar. Paul até disse que chegou a pedir detalhes bem específicos, como a unha do pé de um determinado ser.

“Eu queria que o filme fosse o mais real possível. Por isso acabamos morando longe de qualquer cidade, em condições até bem ruins, sentindo frio a noite e muito calor durante todo o dia. Foi maravilhoso porque colocamos esses lugares, mas também trouxe a sensação de viver naquele lugar”, comentou o diretor.

O clima de tranquilidade e paixão pelo projeto estava presente nos olhares de todos que comentavam sobre o filme. Ao fim, ainda foi mostrada uma cena inédita, a primeira de Nanda demonstrada aos olhos do público (ela não havia aparecido em nenhum trailer anteriormente). A cena pode ser vista abaixo:

Monster Hunter estava programado para estrear agora em dezembro, mas ainda não tem data confirmada.

Comentários

Cláudio Gabriel

É apaixonado por cinema, séries, música, quadrinhos e qualquer elemento da cultura pop que o faça feliz. Seu maior sonho é ver o Senta Aí sendo reconhecido... e acha que isso está mais próximo do que se espera.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *