“Queria interpretar o antagonista de George Clooney um dia”, diz ator de Better Call Saul

Tivemos a oportunidade de conversar um pouco com Patrick Fabian, ator que interpreta o personagem Howard na série Better Call Saul, além de ter participado em obras como O Último Exorcismo, Xena: Princesa Guerreira, Friends, CSI, 24 Horas, entre outros. Confira a nossa entrevista:

SA: Como você analisa os personagens que interpreta?

PF: Quanto melhor a escrita, mais claro e fácil é elaborar uma caracterização. Em Better Call Saul tem alguns dos melhores escritores da TV e eles me fazem parecer bem!

SA: Como você entrou no elenco do Better Call Saul?

PF: Como todos os outros trabalhos que já tive. Meus agentes me colocaram na porta para um escritório de seleção que me chamou. Sempre tive muita sorte.

SA: Howard ganhou um destaque crescente dentro da série. Como você analisa esse crescimento?

PF: Os fãs do seriado sempre tiveram uma relação amor/ódio com Howard. Eles achavam que ele era mal no começo, mas agora têm que reavaliar ele.

SA: O que podemos esperar da próxima temporada, depois que James se tornou Saul?

PF: Bem, o retrato que Bob Odenkirk deu para ‘Jimmy McGill’ tem sido muito delicioso para assistir, agora que Saul entrou, será interessante ver quão rápido será sua decadência.

SA: Como é trabalhar com Vince Gilligan? Você era um fã de Breaking Bad antes de ser chamado para seu papel?

PF: Sou completamente apaixonado por Vince e Peter, são os melhores de todos. E não, eu na verdade não tinha assistido nada nem antes de fazer a audição (Eu sei! Eu sei!), mas eu assisti tudo de uma vez logo depois que fui escolhido.

SA: Onde é Howard e o resto dos personagens em Breaking Bad? Ou algo acontece enquanto isso?

PF: Sabemos que não vemos ‘Howard’ em Breaking Bad, mas isso não significa necessariamente que eu estou morto, o que é que todos (querem?) assumir. Quem sabe? Eu confio nos escritores para descobrir algo interessante e bonito para Howard.

SA: Qual o papel que mais gostou de jogar na sua carreira?

PF: Howard Hamlin e Rev Cotton Marcus em O Último Exorcismo.

SA: Existe algum ator ou diretor que você planeja trabalhar em um dia?

PF: A grande coisa sobre ser um ator que atua em vários papéis é que você tem tantas oportunidades diferentes com tantas pessoas. Christopher Nolan como diretor, e queria interpretar o antagonista de George Clooney um dia.

SA: Você pode enviar uma mensagem aos fãs brasileiros?

PF: Obrigado a todos por assistir e apoiar a série. Desculpe, eu não falo o idioma de vocês, mas não tenho dúvidas, quem dubla minha voz torna Howard mais sexy e mais louco do que eu jamais poderia ser! (risadas). Mal posso esperar para visitar algum dia!

Comentários

Cláudio Gabriel

É apaixonado por cinema, séries, música, quadrinhos e qualquer elemento da cultura pop que o faça feliz. Seu maior sonho é ver o Senta Aí sendo reconhecido… e acha que isso está mais próximo do que se espera.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *