Conhecendo o line-up do Rock In Rio – 27/09

34 anos após sua primeira edição, sendo a oitava no Brasil, o Rock In Rio 2019 vem para reforçar ainda mais a tendência do evento de apostar na diversificação de suas atrações e atingir diferentes públicos. Sem abandonar sua raíz no rock e metal – responsáveis por alçar o festival ao patamar de um dos maiores do mundo -, é notável o quanto o evento vem buscando dar mais espaço e destaque a nomes de outros gêneros, como da música pop, eletrônica, R&B e, até mesmo, o rap e sua nova força mundial.

O primeiro dia desta edição já deixa bem clara a busca pela consolidação com novos públicos, com as atrações do Palco Mundo (o principal palco) resultando no dia mais comercial dentre os sete. Aliás, o festival ocorre nos dias 27, 28 e 29 de setembro, e 3, 4, 5 e 6 de outubro.

– Drake 

Fazendo sua estreia no Brasil, o rapper Drake é um dos maiores nomes entre as atrações. O canadense será o headliner do Palco Mundo e promete um dos shows mais comentados deste ano. Não a toa, o seu show foi um dos primeiros a ser esgotado na abertura da venda de ingressos.

Misturando elementos do R&B com o hip-hop, além de mesclar suas letras melódicas com as usuais rimas de seu gênero, o artista vem vivendo uma excelente fase em sua carreira. É dono do título de artista mais ouvido no Spotify em 2018, com mais de 8.2 bilhões de reproduções apenas naquele ano, e quebrou recordes ao ser o primeiro músico a atingir 1 bilhão de reproduções em um único álbum, o seu muito bem sucedido Scorpion

Aliás, além do excelente sucesso comercial, o CD rendeu alguns grandes sucessos como “God’s Plan”, “Nice For What” e a viral “In My Feelings”. Essas deverão ser parte presente da apresentação na primeira noite de Rock in Rio.

Quais não podem deixar de tocar? “In My Feelings”, “One Dance” e “Hotline Bling”. 

– Ellie Goulding

Certamente a maior surpresa desse ano, a cantora foi encubida com a difícil missão de substituir Cardi B, após a rapper cancelar sua participação no festival. 

Após se tornar conhecida ao chegar ao topo do “BBC Sound Of 2010”, sondagem anual da emissora britânica com as vozes mais promissoras do ano, ganhou destaque midiático e conseguiu lançar alguns hits mundiais, tendo como auge entre 2013 e 2016. Ainda que seja um nome conhecido, Ellie não está em um dos melhores momentos de sua carreira, algo na qual gerou certo burburinho do público ao ser anunciada – considerando que Cardi B é um dos nomes mais em alta do momento.

Seu último álbum, Delirium, lançado em 2015, obteve sucesso moderado, mas emplacou o grande sucesso “Love me Like You Do”, trilha do filme 50 Tons de Cinza. Aliás, a cantora é uma presença constante em diversas trilhas sonoras de grandes produções hollywoodianas, como Crepúsculo, Jogos Vorazes e Kingsman

Sua última vinda ao Brasil aconteceu em 2014, quando a cantora se apresentou no Lollapalooza e entregou um dos shows mais elogiados e enérgicos do ano. Ellie Goulding chegou a cogitar uma vinda ao Brasil para a Delirium World Tour, que acabou não acontecendo. 

Quais não podem deixar de tocar? “Burn”, “Love Me Like You Do” e “Outside”. 

– Bebe Rexha 

Ex-vocalista da falecida banda Black Cards, Bebe Rexha é uma cantora, produtora e compositora norte-americana. Em 2013, com sua saída do grupo, começou a investir em uma carreira solo como cantora e, paralelamente, investia em composições para outros artistas, como Selena Gomez, Nick Jonas e Nikki Williams. Lembra do hit “The Monster”, parceria de Eminem com Rihanna? É dela. 

Desde então Bebe vem sendo uma das grandes promessas do pop – o que a levou a ser indicada ao Grammy em 2019, por Melhor Performance Country e Best New Artist -, com três eps lançados e um álbum, o Expectations, de 2018. A cantora também se destaca bastante em suas parcerias,  tendo feito com nomes como os dj’s David Guetta e Martin Garrix, o duo Florida Georgia Line, o ex-One Direction Louis Tomlinson, o rapper G-Eazy, e diversos outros nomes relevantes da indústria. 

A cantora esteve em território brasileiro no ano passado, quando veio abrir os shows da Witness The Tour, de Katy Perry, em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre. Nas redes sociais, Bebe não esconde a empolgação em voltar para nosso país. Aliás, vale lembrar que “I Got You”, uma de suas músicas, foi transformada em forró no viral “Só Da Tu”, que foi um grande sucesso em 2017.

Quais não podem deixar de tocar? “I Got You”, “Mean To Be” e “Me, Myself & I”.

– Alok 

Certamente o maior nome de seu segmento no Brasil atualmente, Alok é um DJ e produtor musical de música eletrônica. Considerado o 13º maior DJ do mundo pela revista DJ Magazine, foi o primeiro – e único – brasileiro a alcançar a marca de 320 milhões de plays no spotify.

Ainda que tenha sido uma escolha ousada, visto não ser comum a presença de DJ’s como atrações do principal palco do evento, sua participação se justifica pelo grande número de hits de sua carreira. Dentre eles vale citar “Hear Me Now”, sua parceria com Bruno Martini e Zeeba, na qual alcançou a vigésima posição na parada Billboard Dance/Electronic dos Estados Unidos. 

Além das já citadas, o DJ também já lançou diversas outras parcerias com Steve Aoki, Luan Santana e Matheus e Kauan. Alok promete ter um dos shows mais animados deste dia, algo interessante por ser logo a abertura do palco mundo.

Quais não podem deixar de tocar? “Hear Me Now”, “Never Let Me Go” e “Big Jet Plane”.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *